quinta-feira, 25 de abril de 2013

Vigília da imagem

Eu não sei vocês, mas eu fui gorda uma vida inteira. O que quer dizer que todo mundo SEMPRE me conheceu gorda. Dos meus familiares ao meu namorado, eu sempre fui essa mesma Ana, gorda. Acho que até por isso, não existe uma vigília constante sobre como anda o meu peso. Quero dizer, eventualmente alguém me pergunta sobre emagrecer, sobre eu estar mais magra ou gorda, mas isso é tão espaçado que eu realmente não me sinto pressionada. Aos 32 quase 33 anos as pessoas - eu acho - se conformam com o seu peso. Pessoas que você conhecem agora podem até dizer algo, mas a sua família, seus entes queridos a essa altura já amam você como você é. Eu estou escrevendo essa introdução longuíssima pra comentar que estava lendo este texto aqui => E se sua mulher engordasse e é claro que partilhei no Facebook com direito a muitos comentários e polêmicas. Pra resumir, o texto fala da mulher do ator Pierce Brosnan - o penúltimo James Bond - com quem ele está casado há 15 anos e que ganhou alguns quilos ao longo dos anos. O autor do texto, Alex Castro, que eu não conheço, fala com brilhantismo sobre como as pessoas se chocam pelo fato de Pierce não ter largado a mulher e como isso é absurdo. Estou resumindo o texto ao mínimo porque acho que vocês deveriam lê-lo, então cliquem no link por favor! Depois de ler a reportagem eu fui a um dos sites que Alex cita chamado Celebrities Getting Fat (algo como Celebridades Engordando) simplesmente porque me surpreendi com um site com esse nome. Na minha cabeça ninguém jamais criaria algo do tipo. Tá, eu sou inocente, pelo menos nesse aspecto eu juro que fui pega de surpresa (muito embora eu me lembre do site Ego fazendo isso, mas em algumas notas, não uma página inteira dedicada a isso). Mas enfim, cliquei lá - NÃO VOU DAR O LINK, ME RECUSO A DIRECIONAR VOCÊS PRA ESSA PALHAÇADA - e confesso que fiquei abismada com a quantidade de lixo que li. E ai me vem de novo a palavra VIGÍLIA na cabeça. Porque esse tipo de site com suas publicações basicamente não comentam apenas dos que já são gordos. Eles estão de olho na Beyonce, na Kim Kardashian. Se elas engordam uma miligrama, lá estão eles comentando sobre como as "coxas da Beyonce estão maiores". Um nojo absoluto! Chamadas do tipo: "Fulano de tal deveria ficar de camiseta" quando um famoso está andando de bicicleta sem camisa ou "Cristina Aguilera está mais gorda ainda"? Enfim, eu senti sobre os famosos essa vigília constante sobre a imagem. Não basta ser famoso, ser seguido por paparazzi o tempo todo e as vezes não ter sossego pra ir num shopping. Você também não pode engordar NENHUMA miligrama porque tem quem se ocupe do seu peso. Hollywood vende esse sonho dourado de que seremos magros e lindos pro resto da vida e ainda de que se é feliz apenas sendo magro - conte ai quantos filmes tem um protagonista gordo se dando bem, sem ser ridicularizado e me diga - e o pior é que as pessoas, nós, meros mortais acabamos comprando essa ideia. Passamos a vigiar e a acreditar que se a pessoa vive de imagem, essa imagem tem que ser magra e jovem - porque também tem aquela vigília com a idade que é assunto pra outro post - PRA SEMPRE. Gente, vamos afrouxar os padrões. Mas não é só pra nós, pessoas comuns. Vamos afrouxar o padrão pra todo mundo. Se a Britney Spears engordar amanhã que ela não precise cair no crivo e na crueldade de todo mundo. Afinal, cada um faz o que bem quer com seu corpo. E gente, a atitude de Pierce Brosnan não deveria causar choque. Oras, quando você se casa com alguém, se casa apenas com o corpo? Pessoas envelhecem, corpos mudam, cabelos caem. Pra mim, o casamento é um acordo feito não apenas com base no material que a pessoa tem. Casa-se com o outro pela sua essência. Ou não? Estou sendo inocente mais uma vez? Comentem ai e me digam! 

Beijos, Ana Paula. 

2 comentários:

Unknown disse...

Então amiga, é um coisa nojenta essa vigilância em cima das pessoas...concordo com você, escreveu tudo o que pensei quando li o texto do Alex Castro.
O dia que as pessoas passarem a olhar para outras além do corpo físico, olharem de fato quem elas são e não somente corpos, viveremos em uma sociedade onde não haverá padrões e estéticas criadas por imbecis seculares.
As pessoas serão simplesmente pessoas e não medidas e cores.

Biane Carvalho disse...

Amei conhecer seu blog...
Gostei de tudo que vi por aqui, tudo com mto
bom gosto! E já estou te seguindo pra
não perder nenhum detalhe...

Se poder me faça uma visitinha e se gostar me siga tbm...

bjks

Uma linda Noite!

blogdabiane.com.br