quarta-feira, 24 de março de 2010

Vestidos de Noiva Plus Size

Não, não estou pensando em me casar no momento, mas, estava passeando pela web quando me deparei com uma loja que vende vestidos de noiva plus size. A loja é norte-americana, mas entrega em todo o mundo, de acordo com o site. Tem muuuita variedade e se deixasse eu mostrava todos para vocês, mas vou escolher 15 modelos - mas vou mostrar de cinco em cinco para não ficar uma postagem muito longa -   para fazer alguns comentários. Deixa então eu mostrar alguns modelos liiiindos de vestido de noiva que achei por lá: 

Vestido N° 1
Vestido N°1
Designer: Alfred Angelo
Vestido de tafetá nas cores Branco ou Branco Diamante de acordo com o site.
Adorei este decote, valoriza o colo, dá uma sustentação legal no corpo. Como ele tem a citura marcada ele favorece o corpo da mulher mais cheinha. Gosto bastante porque ele é mais discreto, mas lindo!

Vestido N°2
                        
Vestido N°2 
Designer: Alfred Angelo
Vestido de cetim com aplicações de cristais e lantejoulas, pode vir com o sem alças (elas são bem fininhas) e a faixa pode ser feita em 55 cores diferentes. É um dos meus favoritos, mas cuidado quem tem muito busto, pois esse modelo obviamente chama muito a atenção para o colo. Outra vantagem é que a faixa colorida quebra um pouco a tradicionalidade do branco, bom para noivas que gostem de uma cor a mais né?

Vestido N°3


Vestido N°3
Designer: Alfred Angelo
De cetim com bordados na barra e também bordados de cristal e pérolas. As alças são opcionais e removíveis e vem em 46 cores diferentes.
Achei o modelo fofo, com as alças ou sem elas fica lindo. Com as alças eu acho elegante para quem tem mais busto porque reforça. Os bordados são lindos, tanto nas alças quanto no corpo do vestido.


Vestido N°4
Vestido N°4
Designer: Alfred Angelo
Vestido de tafetá com lantejoulas opcionais. Além disso ele pode vir na cor rubi, imaginem que diferente e ousado?
Particularmente eu não usaria uma saia assim tão cheia de babadinhos, mas acho lindo ver em outras pessoas! As luvas complementam o estilo princesa.



Vestido N°5

Vestido N°5 
Designer: Aurora D'Paradiso
Vestido em cetim com coberto de renda, bordado de cristais e vitrilho.
Esse é o tipo de vestido que eu acho um arraso, porque ele marca a silhueta, definindo e dando forma aos melhores atributos de uma mulher plus size. Principalmente quando ela tem as medidas todas proporcionais, eu acho um luxo um vestido assim, super sexy.  






E o que vocês acharam pessoal? Gostaram dos modelos? De qual gostaram mais? Conte para a gente! Comente!
Beijocas, Ana Paula.

sexta-feira, 19 de março de 2010

Precisa-se de modelos plus size... na Austrália!

Pelo menos uma vez por semana, eu recebo um email ou um comentário perguntando sobre quem pode e quem não pode ser modelo plus size. Mais uma vez: nós aqui do blog não somos filiadas a nenhuma agência, tampouco recrutamos pessoas para trabalhos de moda, se por um acaso alguém conhecer uma agência de modelos plus size, por favor, mande o nome para nós (mundogege@gmail.com) que teremos prazer em publicar aqui, visto que a procura por tais estabelecimentos aumentou consideralvelmente no último ano. Mas, não você que tem realmente vontade de ser modelo plus size, saiba que existe um país aonde faltam modelos desse porte: Austrália. Fica longe, eu sei, mas de acordo com este artigo Melbourne é uma cidade com poucas modelos plus size. A dona de uma marca explica o porquê da demanda por novas profissionais: "É uma tarefa difícil, e não estou dizendo que não gostamos das modelos que temos, mas sempre queremos que a nossa marca tenha aquele aspecto de novidade". Eles estão estudando maneiras de encorajar as meninas de Melbourne a se candidatarem para as vagas de modelo, para isso, castings (ou seleções) serão feitos na cidade. Mas a dona de uma agência australiana, chamada Chelsea Bonner explica que encontrar garotas que se encaixo no padrão exigido pelas agências é outro problema. Ela conta que em sua agência as modelos plus size precisam ter a massa corporal num limite saudável - em torno de 25 de IMC - e uma boa proporção entre busto-quadril e cintura e pelo menos 1,72 de altura. Então meninas que querem muito ser plus size models: prontas para fazerem as malas? (rs)

Beijos, Ana Paula.




quarta-feira, 17 de março de 2010

Móveis para gordinhos

Gente, alguém aqui já enfrentou alguma situação desse tipo:
a) Você chega num lugar, senta numa cadeira/assento e sente que ela dá uma "arriada" com o seu peso e aí dá vontade de ir embora do lugar de medo de cair no chão?
b) A cadeira/assento já cedeu com você e você caiu pra valer no chão?
c) Você ficou sentado desconfortavelmente porque a cadeira/assento era muito pequeno?

Eu nunca caí de uma cadeira, mas já enfrentei situações de me sentar em lugares extremamente desconfortáveis. Não faz nem duas semanas eu fui fazer uma prova de Inglês para receber uma tal certificação. A prova era aplicada por uma escola de inglês da região. Lá chegando notei que as cadeiras nas quais faríamos as provas eram altamente precárias. Mas eu pensei que se acabasse a prova rápido poderia ir embora. Para minha surpresa apesar de ter acabado a prova rapidamente eu tive que ficar esperando o término da mesma, aproximadamente duas horas e meu bumbum ficando dormente na cadeira, fora a dor nas pernas. Depois disso eu comecei a pensar como esse tipo de mobília é importante e pode mudar toda a sua percepção sobre o ambiente. Se você não está sentado confortavelmente você logo pensa em ir embora e o contrário também é verdade.  Aqui na minha cidade tem um café que eu adoro ir com minha prima e com meu amor. O legal desse lugar é que tem um espaço no fundo da loja cheio de poltronas super confortáveis e mesinhas super fofas. Resultado, toda vez que eu vou lá, eu perco a noção da hora, de tão agradável que me sinto. Baseado nisso eu fui pesquisar se existe alguma loja especializada em mobília para gordinhos. Descobrí que são poucas as empresas que atendem esse tipo de mercado ainda - estamos em expansão, lembram, né? - mas já existem sim, lugares que pensam no conforto dos clientes maiores. Uma delas é a Palmetal  que fabrica móveis de aço inox e que possui uma linha de cadeiras para o público plus size. Vale a pena dar uma conferida no site, se você se interessa. Como quase sempre, eu achei mais opções no exterior, com a loja Plus Size Living que além de cadeiras conta com camas reforçadas e até toalhas em tamanhos maiores. Também vale dar uma passada nem que seja pra esperar o dia que teremos isso aqui no Brasil!Fica para vocês dois modelos que eu muito queria ter na minha sala de estar!
Cadeira Plus Size Living
Cadeira Palmetal


segunda-feira, 15 de março de 2010

Erros que cometemos quando o assunto é MODA:

Na verdade moda é um conceito muito subjetivo, então não falemos em erros, falemos em desvalorização da nossa silhueta e algumas sugestões para valorizá-la de novo. Aqui vão cinco dicas, o post foi escrito baseado neste post aqui: Plus Size Fashion Misconceptions

1 - Não é segredo que numa produção a gente precise valorizar os pontos fortes. O colo por exemplo é sempre citado como exemplo de como podemos valorizar uma produção. Mas como existem mulheres com o busto muito grande ou mesmo uma timidez que não tem vontade de expor esta parte podemos pensar em outra coisa para expor, claro! E quando eu falo expor, eu não quero dizer mostrar, desnudar, calminha ai, rs. Quero dizer valorizar, colocar um bom acessório...  Que tal o bumbum? Com uma calça jeans com lycra a gente consegue esse efeito sem ficar vulgar. 

2 - Muito cuidado com roupas que deixem você sem forma. As vezes temos a impressão que uma roupa super larga vai cair bem porque vai disfarçar as gordurinhas, mas não há disfarce se seu corpo não tem forma nenhuma viu? Se você tem a cintura bem feita, marque com cintos e se você tem o tronco muito grande pode usar uma túnica mais justa por exemplo ou usar tops mais largos sem manga porque eles também tiram o foco todo da cintura. 

3 - Salto alto.  Eu não uso infelizmente porque não consigo ficar muito tempo em pé com eles, mas além da sensação de alongar sua silhueta, o salto alto também te deixa com o andar elegante. Então se não usamos salto alto qual a solução? Eu particularmente gosto e recomendo saltinhos de 3 ou 5 centímetros que não me cansam tanto e que conseguem dar aquela glamourizada na minha produção. Acho que é uma boa solução para quem tem problemas de circulação, retenção de líquido e não usa saltos muito grandes.

4 - Não tenha medo de mostrar o seu peso. Comprando nas lojas certas você encontra muita coisa para o chamado plus size. Muita gente não se liga em proporções e isso pode estragar um look. Eu vejo muita menina comprando calça um número menor com a falsa noção de que isso emagrece, mas nunca emagrece. Não compre nada que te aperta, porque além de desconfortável não cai bem, isso é fato. O equilíbrio entre uma peça mais justa com uma peça mais larga também pode ser legal, desde que se observem as proporções. 

5 - Atraia olhares para o rosto. Não porque seu corpo não mereça ser olhado, mas muitas vezes a gente se preocupa só com a roupa e esquece o rosto. Uma boa maquiagem, acessórios com brincos e colares chamam a atenção para nosso rosto também. É importante sempre cuidar da pele também, se você vai chamar a atenção para cima né? Mostre esse rostinho lindo e sem medo viu?

Espero que tenham gostado das dicas pessoal! Beijos.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Dia Internacional da Mulher

Para as que trabalham, para as que ficam em casa, para as que tem medo de barata, para as que sabem cozinhar, para aquelas que dirigem muito bem e para aquelas que dão umas barbeiradas de vez em quando. Para as que são mães e defendem seus filhos com toda sua força. Para as que não querem ter filhos, para as que começam hoje uma dieta e para as que não fazem dieta. Para as que gostam de escrever e para as que adoram rebolar. Para todas as mulheres, altas, magras, gordas, magras, loiras, ruivas, morenas, negras, orientais, todas vocês minhas queridas, parabéns pelo Dia Internacional da Mulher.